Seg. - Sex.: 07h30-21h00 | Sáb.: 08h-12h

(51) 2125-0505
(51) 2125-0505
Av. Cristóvão Colombo, 1691 - , Porto Alegre - RS
Seg. - Sex.: 07h30-21h00
Sáb.: 08h-12h

Para efetuar um pré-agendamento preencha seus dados. Nossos atendentes entrarão em contato.

Notícias

Acompanhe nossas notícias, informações e dicas sobre saúde e qualidade de vida.

Palestra do Projeto Mulher&Saúde com sala lotada, na edição de setembro

As causas e consequências da gordura no fígado – tema da palestra de setembro do Projeto Mulher&Saúde – despertaram grande interesse, e um numeroso público, atento e interessado, foi ouvir, no dia 25, a médica hepatologista Fernanda Branco.

A esteatose hepática – popularmente chamada de gordura no fígado – se torna mais comum a cada dia. Conforme a médica falou na palestra, cerca de 30% da população tem esse quadro, que afeta principalmente as mulheres e obesos. “Em um terço dos casos, pode evoluir para quadros mais graves, como fibrose, cirrose e até câncer”.

A esteatose pode ser alcóolica ou não alcóolica, esta última causada por dieta desequilibrada, diabetes, sedentarismo e, até mesmo alguns tipos de medicamentos. Assintomática, é diagnosticada por ultrassom do abdômen e exames laboratoriais que indicam níveis elevados de enzimas hepáticas.

O tratamento, segundo a médica, é similar à prevenção: praticar exercícios físicos, priorizar alimentos integrais, fibras, frutas, peixe, oleaginosas, grãos, verduras e legumes, evitando o consumo de frituras, açúcar, álcool, gordura vegetal. “É um quadro que pode ser revertido, desde que se adote estes hábitos saudáveis”, recomendou a médica.

O público participou ativamente da palestra, com perguntas que geraram um interessante debate sobre o impacto dos nossos hábitos alimentares no fígado, comprovando mais uma vez o alto nível das informações disseminadas pelo Projeto Mulher&Saúde para a nossa qualidade de vida.


As palestras acontecem sempre na última quarta-feira do mês, na Radimagem, às 16 horas. A entrada é fraca, e, se possível, colabore com um quilo de alimento não perecível. Acompanhe a programação nas nossas redes sociais


Voltar

Buscar

Histórico